Regina Duarte dá as costas para Globo e aceita ser secretária no governo Bolsonaro

Após uma conversa no Rio de Janeiro, a atriz aceitou o convite do presidente. - Foto: Divulgação.

A atriz Regina Duarte após um conversa com o Bolsonaro no Rio de Janeiro nesta segunda-feira (20), aceitou o convite de ser secretária de Cultura. De acordo com a atriz, “será um período de testes”.

Regina recebeu o convite após o presidente Bolsonaro demitir Roberto Alvim, ex-secretário exonerado após realizar um discurso com frases semelhantes às do ministro da propaganda nazista, Joseph Goebbels.

Com a nomeação, o presidente Bolsonaro poderá recriar o Ministério da Cultura. A pasta havia sido transformada em secretaria por Bolsonaro no início de sua gestão.

Em nota, a Globo informou que: “A atriz Regina Duarte tem contrato vigente com a Globo e sabe que, se optar por assumir cargo público, deve pedir a suspensão de seu vínculo com a emissora, como impõe a nossa política interna, de conhecimento de todos os seus colaboradores.”

 

Comentários